Portal Promutuca

Twitter Flickr YouTube Google Facebook

Arquitetura Ambientalmente Sustentável

Por Andréa Pinto Coelho *


O projeto de arquitetura sustentável compreende o edifício como parte do habitat vivo, estreitamente ligado ao lugar, à sociedade, ao clima, à região e ao planeta. Se compromete a difundir maneiras de construir com menor impacto ambiental e maiores ganhos sociais, sendo viável economicamente.

A elaboração de um projeto de arquitetura na busca por uma maior sustentabilidade deve considerar todo o ciclo de vida da edificação, incluindo seu uso, manutenção e sua reciclagem ou demolição. O caminho para a sustentabilidade não é único e muito menos possui receitas, e sim depende do conhecimento e da criatividade de cada parte envolvida, desenvolvendo modelos que permitam enfrentar e propor soluções aos principais problemas ambientais de nossa época, sem renunciar à moderna tecnologia e à criação de edificações que atendam as necessidades de seus usuários.

Alguns conceitos básicos devem nortear a elaboração de um projeto de arquitetura na busca de melhores condições de sustentabilidade.

São eles:

1 - Estudo da implantação e análise do entorno.
2 - Soluções de aspectos relativos à iluminação e ventilação natural e artificial na edificação.
3 - Sistemas de proteção solar de fachadas e de coberturas.
4 - Economia e uso racionais de materiais e sistema construtivo.
5 - Eleger materiais usados na edifi cação quanto à sua sustentabilidade energética, coerência formal e conceitual, bem como estratégias econômicas de viabilização da obra e da operação do edifício numa perspectiva de ‘ciclo de vida’ da construção.
6 - Considerar o consumo de fontes renováveis e não renováveis de energia.
7 - Sistemas de coleta, uso e reciclagem das águas e resíduos na edifi - cação.
8 - Acessibilidade de usuários normais e especiais, e inclusão social no uso da edificação.
9 - Uso de vegetação
10 - Impacto estético da edificação em relação à comunicabilidade do seu uso em questão e suas qualidades de sustentabilidade ambiental.
11- Manutenção da construção e suas características de fl exibilidade e desmontabilidade.
12- Transferibilidade dos conceitos e soluções adotadas.

O projeto sustentável, por ser interdisciplinar e ter premissas mais abrangentes, garante maior cuidado com as soluções propostas, tanto do ponto de vista ambiental quanto dos aspectos.

Mais Artigos