Portal Promutuca

Twitter Flickr YouTube Google Facebook

Área de soltura aumenta população de pássaros no

Vale do Mutuca

Os moradores do vale do Mutuca têm o privilégio de acordar com o canto e apreciar uma grande variedade de pássaros que, em número expressivo, povoam o local. Isso porque, há cerca de dois anos, o Condomínio Estância Serrana obteve um certificado do IBAMA para servir como área de soltura de pássaros e animais apreendidos pela fiscalização. “Como temos uma área de mais de 200 hectares, onde já havia uma grande variedade de pássaros, aves e animais, fizemos um pedido ao IBAMA que, após um longo e minucioso estudo, efetuou o cadastramento respectivo”, relata o morador e ex-síndico, Manoel Augusto Caillaux.

Grande parte dos 106 moradores abraçou a ideia e participou do plantio de uma grande variedade de árvores frutíferas típicas da mata Atlântica, como palmeiras jussara e jerivá, várias espécies de araçás, guabiroba verde, grumixama, bacupari e pitomba. “Com isso, aumentamos a oferta de alimentos para toda a fauna, inclusive, os pássaros que são soltos”, comenta Caillaux.

O Centro de Triagem de Animais Silvestres (CETAS) do IBAMA separa os pássaros que estão em perfeito estado de saúde e faz a soltura na área do Estância Serrana. Conforme Caillaux, os moradores relatam o aumento do número de pássaros no condomínio, notadamente em suas matas. Existem no vale do Mutuca vários pássaros como, por exemplo, saíras de várias espécies, tucanos, sabiás, canários-da-terra, coleiros, sanhaços, tangarás-dançarinos e guaxos. “Estamos contribuindo para proteger essas espécies e ainda somos recompensados com a beleza do canto e da plumagem desses passarinhos”, assinala o morador, com emoção.


 

DIVULGUE