Portal Promutuca

Twitter Flickr YouTube Google Facebook

Gente do Vale

A preservação ambiental sempre esteve entre as prioridades da família de Paulo e Lélia Bottaro. Reaproveitamento da água da máquina de lavar roupas para limpeza de pátio e garagem, utilização de sacolas retornáveis durante as compras e seleção de lixo para reciclagem são apenas algumas das atitudes que já se tornaram hábito entre todos os membros. “Faço também
questão de manter intacta a mata em torno de minha residência para que os animais silvestres possam circular livremente”, diz o pintor. O amor aos animais, aliás, é um traço comum na família. Tanto que a filha Daniela, e seu marido, Matheus, que também residem no Estância Serrana, têm o
hábito não apenas de adotar cães abandonados como também incentivar os amigos a fazerem o mesmo.

“Quando terminamos de construir nossa casa e nos mudamos com nossas filhas Viviane e Daniela para o Condomínio Estância Serrana, há 12 anos, foi a concretização de um sonho que eu e minha esposa Lélia dividíamos. Hoje só gosto de sair para pintar no campo ou nas cidades históricas. O Vale do Mutuca é o meu refúgio de paz. Aqui tenho o meu atelier , é onde me realizo e sou feliz junto à minha família. Procuramos sempre transmitir às nossas filhas e genros a preocupação com a preservação ambiental, e tenho certeza que Viviane e Wagner farão o mesmo em relação ao Ricardo, nosso primeiro netinho”.

Paulo Bottaro, morador do Estância Serrana